Associação dos Designers Gráficos do Brasil
Confira os próximos eventos

Fique por dentro dos próximos eventos de design. [ mais ]
 
Encontro ADG








Anuncie em nosso site. Saiba como.

Publicações

ABC da ADG | Relançamento

A ADG Brasil, a Editora Blucher e o Museu da Casa Brasileira convidam para o lançamento do ‘ABC da ADG 2012 – glossário de temas e verbetes utilizados em Design Gráfico’.

Esta publicação “tem a pretensão de um dia vir a ser um dicionário dirigido, mais completo a cada edição, com o objetivo de homogeneizar e atualizar terminologias para que todos possam falar a mesma língua dentro da nossa profissão”, diz Lara Vollmer, organizadora da publicação e ex-coordenadora da Comissão de Ensino da ADG em 1998, ano em foi lançada a primeira versão do glossário. No mesmo dia, a Blucher também estará lançando a ‘Coleção Pensando o Design’ e o livro ‘10 Cases do Design Brasileiro – Volume 3′.

Data | Quinta-feira, 19 de abril, às 19h30.

Local | MCB – MUSEU DA CASA BRASILEIRA
Av. Brigadeiro Faria Lima, 2705 São Paulo SP

| Ficha Técnica |

Publisher
Edgard Blucher

Editor
Eduardo Blucher

Editor de desenvolvimento
Fernando Alves

Organização
Lara Vollmer

Revisora
Eugênia Pessotti

Projeto Gráfico
Vollmer Design

Diagramação
Mariana Oliveira

Ilustrações
Marcos Lisboa e Moana Moares

Colaboradores
Antonio Delfino
Antonio Roberto de Oliveira
Carin Ades
Ciro Roberto Matos
Cristiane Godinho Santarelli
Eunice Maria da Silva
João de Souza Leite
José Luis Solsona da Silva
Lara Vollmer
Mônica Moura
Paula Csillag
Sandra Maria Ribeiro de Souza
Solange Salva
Vivian Oliveira Preto



********************************************************************************

17/04/2012
ABC da ADG | Relançamento

Naming: o nome da marca [Lançamento]

Novo livro da 2AB Editora fala sobre a tarefa e os desafios de nomear produtos, marcas e serviços


Capa NamingA 2AB Editora acaba de lançar o livro “Naming: O nome da marca”, do designer, professor e consultor de identidade de marca, Delano Rodrigues. O livro nasceu de uma pesquisa de mestrado que o autor realizou na Pós-graduação em Design da PUC-Rio. Sua intenção principal era entender como profissionais de design lidavam com projetos de naming.

“Há quase 15 anos trabalho com projetos de identidade de marca, e meu interesse por Naming surgiu quando, em 2000, fui deparado com a demanda de um cliente que queria desenvolver um nome para uma empresa, conhecimento este que não fazia parte de minha base de formação no design”, conta Delano que também é associado da ADG Brasil e ex-diretor da instituição.

O livro, indicado para estudantes e profissionais de design, comunicação e marketing, tem texto de abertura de João de Souza Leite, designer, professor da Esdi/Uerj e da Puc-RJ e está dividido em 5 capítulos, onde Delano pretende articular qual o atual papel do designer nos trabalhos de identidade corporativa e como ele é redefinido com a inserção dos conceitos de branding e naming. O autor ressalta que, por mais que o designer apareça como protagonista em diversos momentos no processo de desenvolvimento e escolha de nomes de marca, ele tem plena consciência que esse processo não é exclusividade da área. “Sei que todos os dias novos nomes surgem por meio de criatividade de profissionais e empreendedores com diversas formações. Mas, como este livro é baseado em uma pesquisa feita em uma pós-graduação de design, o designer acabou virando o personagem principal”, explica.

No 1º capítulo o livro fala dos percursos, conceitos e aplicações de Marca e Identidade de Marca. Delano não pretende encontrar um conceito definitivo de marca, visto que este continua em constante mutação. Mas é preciso compreender a complexidade que o cerca. “(…) Marca não é só uma apresentação visual, mas uma síntese de vivências e experiências memoráveis, despertadas quando se estabelece algum tipo de contato com uma empresa, organização, lugar, pessoa ou produto (…)”.

No 2º capítulo, o autor procura entender como um dos elementos – o seu nome – pode contribuir para consolidar a identidade de uma marca. É neste momento que, sempre usando ilustrações e exemplos reais, ele fala também de registro da marca, direitos e propriedades de uso.

No 3º capítulo são apresentados modelos de classificação para nomear marcas. É a classificação que permite compreender as diversas motivações que levam os criadores de nomes a adotar uma ou outra solução para nomear instituições, empresas ou produtos.

No 4º capítulo o leitor poderá entender melhor as etapas do processo de um projeto de naming. São elas: Briefing, linhas criativas, seleção e o registro da marca.

E, no último capítulo, Delano faz suas considerações finais, explicando que sua intenção foi propor uma introdução às questões relacionadas ao Naming, que são importantes para a atuação no cenário de Branding.

Mas, afinal, o que é naming? É o processo criativo de desenvolvimento de nomes para marcas. E, segundo Delano, o profissional que pretende atuar nesta área deve ser multidisciplinar. “Para ser bom em naming, ou seja, nomear produtos, marcas e serviços, o profissional tem que ter habilidades e conhecimentos de linguística, semiologia, antropologia, design, marketing e legislação de marca”.

(more…)



********************************************************************************

04/05/2011
Naming: o nome da marca [Lançamento]

Revista ADG (ESGOTADO)

Revistas ADG BrasilADG Brasil – 21 x 28 cm, 72p. / Policromia
Esta publicação da Associação dos Designers Gráficos do Brasil incorpora, através de seu projeto, novos produtos gráficos, design e informação primando pela qualidade gráfica. As matérias de cunho formativo, informativo e de atualidades na profissão, levam à reflexão tornando a publicação um veículo de discussão e intervenção dos designers gráficos.



********************************************************************************

Exposições ADG Brasil

Exposições ADG BrasilColeção de documentos históricos do Design Gráfico Brasileiro oriunda de exposições realizadas na sede da Associação em São Paulo, que visam prestigiar a classe profissional dos designers, e onde são mostrados trabalhos de seus associados e colegas do Brasil e do Exterior. O objetivo desta coleção é apresentar e registrar soluções gráficas que ajudem a pensar a história, a atual produção e os caminhos do design gráfico.



********************************************************************************

Design Gráfico Caso a Caso, como o designer faz design (ESGOTADO)

Design Gráfico Caso a CasoADG Brasil, 2001 – 21 X 29,7cm – 102p. / Policromia
Organização e textos: Chico Homem de Mello. Projeto gráfico: Chico Homem de Mello (direção), Carla Tanaka e Nilo Viegas.
Projetos de Alexandre Wollner, Cauduro / Martino, GAD Design, Mattar Design, MultiDesign, Consolo & Cardinali, Ana Couto Design, Vicente Gil, Ricardo Ohtake, Interface Designers, Fernanda Sarmento, Moema Cavalcanti, Eliane Stephan, Victor Burton, Pós Imagem Design, Narita & Associados Design, Mazz Design, A10 Design, M Design, BC&H Design, Nexus Criação Gráfica, BVDA/Brasil Verde, Guto Lacaz, Nú-dës, Kiko Farkas, Gilberto Strunk, Escritório Campos Gerais, Valéria London, Luciano Cury e On Media.

Publicação realizada com o intuito de mostrar, de forma prática, passo a passo, cases completos de projetos, contados pelos próprios autores, em todas as suas etapas, desde o briefing até o produto final. São 31 projetos (de Identidade Corporativa, Publicações Institucionais, Design Editorial, Embalagem, Material Promocional, Design Ambiental e Mídia Eletrônica) selecionados nas 4ª, 5ª e 6ª edições da Bienal de Design Gráfico da ADG Brasil que mostram como e quais as soluções dadas para as necessidades de seus clientes.



********************************************************************************

O valor do design – Guia ADG Brasil de prática profissional do designer gráfico

O Valor do DesignADG Brasil / Editora SENAC, 2ª Edição 2004 – 18 x 25cm, 224p.
Textos: Ricardo Ohtake, Cesar Hirata, Ronald Kapaz, Paulo Gomes de Oliveira Filho, Chico Homem de Melo, Lara Vollmer, Ana Luiza Escorel, Marcelo Aflalo, Cecília Consolo, Márcia Signorini, João Gomes Filho, Rogério Batagliesi, Edna Lucia Cunha Lima, Guilherme Cunha Lima, Marcello Montore e Priscila Farias.

Como é o cotidiano profissional do designer gráfico? Como calcular o preço do serviço de design e como fazer um contrato? Como funciona o mercado? Qual é a ética da profissão? Como se formar e como se manter constantemente atualizado? Este guia responde a essas e outras perguntas que estão na cabeça dos designers gráficos, dos estudantes de design, dos seus parceiros habituais de trabalho e dos usuários dos seus serviços.



********************************************************************************

Caderno de Ética no Design

Caderno de ÉticaADG Brasil, 2004 – 17 x 23 cm, 36p.
Desenvolvida pela designer Sonia Carvalho com o apoio do consultor jurídico da ADG Brasil Dr. Paulo Gomes de Oliveira Filho e dos parceiros Postscript, SPP-Nemo e Gráfica Rush, esta publicação trata do tema Ética no âmbito do design abordando as questões mais frequentes como arquivos digitais, design x autoria, concursos e premiações, design x internet.



********************************************************************************

design:ritmo

design:ritmoADG Brasil, 2000 – CD-Rom com arquivos Quicktime compatíveis com Mac e Pc
Desenvolvimento: Comissão Design e Tecnologia (Priscila Farias, Pedro Inoue, Marcello Montore, Gustavo Piqueira). Projetos de Cecília Osório, Christiane Jenfan Liu, Daniel Swerts, Elesbão e Haroldinho, Ernani de Castro Pereira, Estação, João Sima, Lobo, Luis Carlos Rubina Thomaz, Luiz A. Gama / Marcos Pimenta, Mariana Bukvic, Nuts Design, Priscila Farias, Rex Design, Sergio Veras, Veronica D’orey, Vicente Gil, Video Design, Voltz Design.

CD-Rom fruto da exposição que integrou o IV Simpósio Design e Tecnologia ADG – Design em Movimento, realizado entre 21 e 23 de setembro de 2000 nas Faculdades Senac (SP). Contém 26 trabalhos selecionados para a exposição, nos quais designers com diferentes tipos de atuação – gráficos, web, vídeo – criaram animações nas mais diversas linguagens possíveis, compondo um rico painel do design em movimento existente no Brasil.



********************************************************************************

Fontes digitais brasileiras de 1989 a 2001

ADG Brasil / Edições Rosari, 2003 ­ 30 X 30 cm ­ 180p.
Organização: Priscila Farias e Gustavo Piqueira. Conselho técnico responsável pela seleção das fontes: Cecilia Consolo, Claudio Rocha, Gustavo Piqueira, Priscila Faria, Tony de Marco. Assistente: Marcio Shimabukuro. Projeto Gráfico: Rex Design.

O livro apresenta 271 fontes criadas por 63 designers de tipos. O texto introdutório de cada categoria de fontes traz as informações técnicas como plataformas disponíveis, todos os caracteres existentes, endereços dos autores e meios de adquirí-los.



********************************************************************************

ABC da ADG – Glossário de temas e verbetes utilizados em Design Gráfico (ESGOTADO)

ABC da ADGADG Brasil, 1998 – 10,5 X 21cm – 128p. / Policromia
Editor: João de Souza Leite. Desenvolvido pela Comissão de Ensino 1998 (Antonio Delfino, Antonio Roberto de Oliveira, Carin Ades, Eunice Maria da Silva, José Luis Solsona da Silva, Lara Vollmer, Mônica Moura, Sandra Maria R. de Souza, Solange Salva).
Projeto gráfico: Lara Vollmer

Com o objetivo de estabelecer uma linguagem comum entre os profissionais da área, este guia traz os principais termos usados no dia-a-dia dos profissionais de design gráfico, sendo também muito importante para estudantes da área. Segundo a Coordenadora da Comissão de Ensino 1998, Lara Vollmer, esta publicação “tem a pretensão de um dia vir a ser um dicionário dirigido, mais completo a cada edição, e com o objetivo de homogeneizar e atualizar terminologias para que todos possam falar a mesma língua dentro da nossa profissão”.



********************************************************************************

ADG Brasil

2009 www.adg.org.br Todos os direitos reservados.